17 de novembro de 2009

"The book is on the table"

Todos estavam reunidos em mesas separadas, como numa sala de aula, mas o local era a praça de alimentação de um shopping center no centro da cidade. Comemoravam ali o final daquele ano letivo, que não era um simples ano letivo, era o último do 2º grau.

A conversa era bem divertida, mas em um determinado momento ficaram pensando no vestibular que teriam pela frente. A tensão tomou conta das mesas. Seriam futuros Farmacêuticos, Biomédicos, Enfermeiros, Dentistas, Médicos (todos eram concluintes do ensino médio com ênfase em Ciências Biológicas, o famoso CB), ou passariam mais um ou dois anos esquentando as cadeiras de um cursinho pré-vestibular?

No meio daquele clima tenso, em uma praça de alimentação lotada, uma pessoa que passava entre as mesas esbarrou no braço de um dos estudantes. Imediatamente ela se virou e pediu desculpas... em inglês: "sorry". Era um turista estrangeiro, que pareceu ficar aguardando uma resposta positiva do estudante. Nem daria tempo. Um colega seu na mesa ao lado levantou rápido de sua cadeira e falou: "Soure não. Ele é de Macapá!" E todos riram sem parar.

(Soure é um município do Pará, um paraíso natural na Ilha de Marajó)

9 comentários:

Kiara Guedes disse...

hahahahahah, e mais uma vez: hahahahaha. Morrri daniel! Fiquei imaginando a cena, claro!

Ivan Daniel disse...

Pois é, Kiara... da minha memória ela nunca saiu. Resolvi dividir com vocês.

castro disse...

Feliz Natal meu amigo!!!

Ivan Daniel disse...

Valeu Castro! Boa virada de ano!

Direito & Esquerdo disse...

Fala Daniel, muito bom o relato é verdadeiro?
Como vai meu sobrinho?
E o suco de pêssego, firme e forte?
Irmão, desejo-te um 2010 transbordante de felicidade e saúde.
Bruno Vieira.

Ivan Daniel disse...

É verdadeiro sim, Bruno.
Teu sobrinho tá muito esperto. 2 anos é uma idade de muitas descobertas. Já tô dando muito suco de pêssego pra ele rsrsrsrsrsr...
Feliz ano novo também.
Abraço.

Harold disse...

Essas crônicas são sempre interessantes e divertidas. Apesar de reais, parecem ter sido criadas por uma pessoa muito inteligente e espirituosas.
Como também tenho amor pelo Pará, peço que a pessoa que confundiu Soure com Sorry seja perdoado. Vai ver que a pessoa era uma caricatura de remista. No Pará há gente com mais tato.
Abraços!

Ivan Daniel disse...

Harold,
era remista sim.
hehehehe...
Abraço.

" Maíra Perrout " disse...

Olá, sou a Maíra do Grupo EC,

Olhando seu site, verifiquei que ele tem potencial para ser nosso parceiro, por isso temos uma proposta de parceria para rentabilizar seu site através de plataforma de e-mail marketing.

Por favor entre em contato das 9 as 17:30 pelos canais abaixo:

Tel: (11) 3207-6000 ramal 24
E-mail: maira.reis@grupoec.com.br

Aproveite e acesse nosso site www.grupoec.com.br para ver nossos anunciantes.